Mulher cai em golpe e família é ameaçada no Brasil

2
231

Luiza é uma mulher envergonhada, desolada, enganada e amedrontada, tudo porque não se deu conta de que estava caindo num golpe desde que conheceu Júlio César no show da Simone & Simaria no ano passado. Elegante, falante e extrovertido, Júlio César se apresentou como cidadão americano e um bem sucedido homem de negócios, dono de propriedades tanto no Estados Unidos quanto no Brasil especialmente na região de Governador Valadares e Ipatinga. Luiza mora nos Estados Unidos há nove anos e com seu trabalho – é dona de um schedulle de limpeza de casas, sustenta a mãe doente e os dois filhos que ficaram no Brasil. Construiu duas casas, têm um carro do ano guardado na sua casa em Valadares e ao longo dos anos juntou algum dinheiro para alguma emergência, já que o estado de saúde de sua mãe inspira cuidados, além de ter sociedade com uma irmã num salão de beleza.

Aqui, Luiza tem um carro novo que usa para passear nos finais de semana com as amigas e gosta de se vestir e de comer bem e talvez seja isto que tenha chamado a atenção de Júlio César que a cortejou até que começaram a namorar. Com o passar dos dias, o homem foi descobrindo as particularidades da vida de Luiza e lhe propôs sociedade num novo empreendimento que ele estava montando em Ipatinga. Relutante, no começo, Luiza foi aos poucos se convencendo e entregou nas mãos de Júlio César US$ 20 mil, parte das suas economias. Por fim, Júlio César embarcou para o Brasil no início de dezembro do ano passado, e por mais que tentasse contato com ele nos primeiros dias não foi possível, até que soube através do seu cunhado que o sujeito era um farsante que não tem nenhum negócio lá no Brasil, e que sequer têm documentos americanos.

Ao ser localizado pelo cunhado de Luiza, Júlio César mostrou fotos da mãe e dos filhos de Luiza e afirmou que se fosse denunciado ia se vingar neles. Nos dias seguintes foi visto rondando a casa onde eles moram o que assustou Luiza a ponto dela querer largar tudo e voltar para o Brasil. Com medo de retaliações e represálias contra sua família, Luiza não quer divulgar as fotos de Júlio César e sabe que ele já fez outras vítimas com a mesma história.

Eu não vou denunciá-lo e nem quero o meu dinheiro de volta, só quero que ele deixe a minha família em paz, e disse isto para um amigo dele que também não sabia de nada destas coisas mentirosas que ele me contou e hoje eu vejo o quanto fui ingênua e inocente. Vi também o quanto somos vulneráveis e estamos todos expostos a vigaristas de todos os tipos, quero alertar outras pessoas, principalmente mulheres solitárias que podem cair no mesmo golpe. Tenho muito medo de que ele possa fazer mal para minha família”, diz Luiza.

Não caia em golpes
– Desconfie de paixões repentinas, principalmente se você tiver bens, propriedades, carros ou se for dono(a) de empreendimentos comerciais
– Não empreste cartões de crédito, cartões de contas bancárias ou cheques a ninguém
– Se for fazer qualquer negócio que tenha que colocar dinheiro, certifique-se que realmente exista e peça garantias
– Não tenha pressa em fazer nada que envolva o seu dinheiro, na dúvida não faça qualquer tipo de negócio suspeito, principalmente aqueles que você não pode comprovar e ver
– Não forneça endereços, nomes, telefones ou outras formas de contatos de parentes, familiares e amigos que moram no Brasil para quem não seja da sua estrita confiança
– Não forneça suas senhas de e-mails, contas bancárias, redes sociais, etc, a ninguém
– Tenha em mente que o seu dinheiro é duro de ganhar
– Não se deixe comover por histórias trágicas e repentinas
– Na dúvida diga não e chame a polícia.

Luiza deu seu depoimento com a condição de que não fosse identificada. Reportagem publicada originalmente no Jornal dos Sports USA em fevereiro de 2017 e republicada no blog com atualizações

Imagem ilustrativa

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu não acho que isso seja o certo não, ela tinha mais é que denunciar e Ainda colocar foto do cara para todos verem. Deve ser por isso que esses homens fazem isso com mulheres bobas. Se fosse eu tirava a minha família de onde está e denunciava ele pra polícia, assim ele não ia fazer outras vítimas. ??

  2. Eu no lugar dela, denunciaria. Alguém tem que parar esse vagabundo. Ele esta usando a familia como ameaça, pois, sabe de todos os pontos fracos dela. Arranja um cabra macho no Brasil para cuidar dele.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here