IMIGRAÇÃO prenderá quem tem deportação pendente em cortes e tribunais

Governo aperta ainda mais o cerco contra imigrantes que tenham cometidos crimes e tenham ordem de deportação pendente

0
10469

Um comunicado assinado por Thomas Homan, diretor interino do U.S. Immigration and Customs Enforcement’s (ICE), autoriza que agentes possam prender em cortes federais, estaduais e locais imigrantes que tenham ordem de deportação pendentes. O comunicado justifica o ato, porque essas prisões serão feitas de modo mais seguro já que os oficiais terão a garantia de que as pessoas estarão desarmadas, visto que são revistadas ou passam por detectores de metal nas entradas dos estabelecimentos.

Embora o documento tenha sido datado no dia 10 de janeiro, somente foi publicado na página do ICE nesta semana.

O alvo do ICE é prender e deportar imigrantes que tenham condenações criminais, que tenham reentrado irregularmente depois de terem sido deportados, membros de gangues e aqueles que deixaram de cumprir uma ordem de deportação ou de remoção. Justifica ainda que isto se deu em razão de as cidades santuário se negarem a colaborar com o ICE, o que aumentou o número de prisões nas cortes.

Em relatório divulgado pelo ICE em dezembro passado dá conta de que foram realizadas mais de 143 mil prisões, sendo que mais de 110 mil delas aconteceram depois de 20 janeiro quando o presidente Donald Trump tomou posse, em um aumento de 42% em relação ao mesmo período do ano anterior.

As entidades de defesa de imigrantes demonstram mais uma vez preocupação pelo fato de que muitos imigrantes indocumentados e com ordens de deportação pendente deixarão de procurar a justiça caso tenham problemas.

Imagens: ICE.gov

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here