CASAL é vítima do golpe das passagens aéreas falsas

Jefferson Araújo é citado em caso de 2015 de fraude com passagens aéreas na Flórida

0
360
Todas as conversas do casal lesado com Jefferson Araújo foram feitas por mensagens de texto e pelo WhatsApp
Jefferson Araújo foi dono da Multimilhas Brasil Inc, na Flórida

Viajar é muito bom, principalmente para quem mora nos Estados Unidos e trabalha arduamente para conseguir tirar uns dias de férias, ir ao Brasil rever parentes, amigos e descontrair um pouco. Em tais ocasiões a principal preocupação é comprar as passagens e para isto exige-se cuidado e atenção redobrada para não entrar numa furada e cair em um golpe que provocará prejuízo financeiro, frustração e muita raiva.

Este foi o caso dos brasileiros Rosangela e Mauro DaCosta, que recentemente foram ao Brasil para tratamento dentário e de férias e foram vítimas de um golpe.

“Compramos as passagens no trecho Boston-Curitiba com seis meses de antecedência e pagamos US$ 1,2 mil no total com uma pessoa chamada Jefferson Araújo, que nos foi indicado por amigos do meu filho que mora na Flórida. Estas pessoas haviam comprado passagens com ele anteriormente e nos falamos algumas vezes pessoalmente e virtualmente”, diz Rosangela Costa.

As reservas foram feitas da Delta (que não tem nenhuma responsabilidade no ocorrido), e foram impressas depois de checadas por diversas vezes, inclusive no dia anterior ao embarque para o Brasil. 

“O pagamento foi feito através de transferência bancária e soubemos que as passagens eram falsas quando fomos fazer o check in no dia 25 de janeiro, data no nosso embarque para o Brasil. Conclusão: para podermos viajar tivemos que comprar as passagens pagando US$ 2,840 na hora do embarque. Não dá para confiar em ninguém, a não ser que se conheça muito bem a pessoa”, continua.

Rosangela ainda fez um desabafo nas redes sociais – “ATENÇÃO!!!!!!! Estou a procura de notícias de Jefferson Araújo, que se diz agente de viagens, mas é mesmo um safado que me vendeu duas passagens para o Brasil e quando fomos fazer o check in as nossas passagens estavam canceladas, eu paguei para ele e ele não pagou para a empresa aérea. Se alguém souber dele denuncie para que ele não faça com outras pessoas”.

O nome de Jefferson Araújo é citado em diversas reclamações no Brasil por vendas de passagens aéreas falsas

O golpista deu ao casal o nome de Jefferson Araújo e o telefone +55 31 9217-6389 e em cujo número o casal não conseguiu mais falar e tampouco o blog que tentou o contato mas não obteve sucesso. Em agosto de 2015, o nome de Jefferson Araújo esteve envolvido em um problema semelhante na Flórida, conforme foi contado em uma reportagem publicada no Achei USA. O modus operandi é o mesmo. Para ler a reportagem clique aqui. Na ocasião, a empresa envolvida foi a Multimilhas Brasil, uma empresa de marketing multi nível, ou seja, uma pirâmide. A Multimilhas Brasil Inc., que funcionou cerca de sete meses em Orlando, Flórida, estava registrada no nome de Jefferson Alvan Araújo e foi desativada em 20 de agosto de 2015, conforme consta nos registros oficiais, logo depois da reportagem do Achei USA.

Golpistas costumam anunciar nas redes sociais a venda de passagens mais baratas e para isto usam como forma de contato telefones celulares pré-pagos que dificultam o rastreamento e identificação.

Não caia nos golpes das passagens aéreas 
– Desconfie de passagens baratas ou com grandes descontos
– Compare os preços com as companhias aéreas e com agentes de viagens
– Não compre passagens de ninguém que você não conheça
– Desconfie de ‘agentes’ que só atendem no telefone celular
– Cuidado com agências de turismo falsas (não existem legalmente)
– Se for no Brasil peça o número do CNPJ ou do CPF e identidade se for pessoa física
– Se for nos Estados Unidos, certifique-se de que a empresa realmente existe
– Se for comprar passagens no Brasil, acesse o Cadastur – órgão do governo clicando aqui para saber se a empresa ou profissional está cadastro como agente
– Outra forma de pesquisar no Brasil a idoneidade de quem está vendendo passagens é através do ReclameAqui e faça uma pesquisa clicando aqui
– Compre suas passagens de empresas que estão estabelecidas e que sejam idôneas 
– Na dúvida, não compre… 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here