Carteira de motorista não passa e comentarista da Fox ofende imigrantes

0
3258

Por conta do arquivamento do Bill H3285 – projeto da carteira de motorista para indocumentados em Massachusetts, o comentarista Doug VB Goudie (fotos em reprodução) do myfoxboston.com ofendeu pesadamente imigrantes no seu comentário na emissora na manhã da terça-feira, 24 de junho. O comentário foi racista e preconceituoso.

Doug VB 2
Doug VB Goudie tem opiniões contundentes e ofendeu imigrantes. Reprodução

Goudie faz os seus comentários FOX25 Morning News é conhecido por seus fãs – sim, ele tem fãs por causa do seu senso de humor e suas opiniões que costuma testar os limites éticos e morais que podem ser a respeito dos políticos, de imigração, de fatos do dia dia e as reações variam entre o aplauso de gente que pensa como ele, até quem o deteste.

Doug afirmou que “para não dar carteira de motorista porque senão estes imigrantes ilegais vão invadir aqui. A não aprovação da carteira de motorista é um favor que os políticos fizeram ao Estado de Massachusetts”. Afirmou ainda que deveriam publicar os nomes de quem votou a favor do projeto H3285 e que as eleições a cada dois anos não permite que os políticos aprovem projetos que favoreçam imigrantes indocumentados.

“Fiquei tão indignada e ofendida que senti vontade de ligar lá na Fox e xingar este sujeito escroto que ofende trabalhadores, pais de família e gente que só trabalhar e poder viver em paz, mas vindo da Fox o que esperar deles que abriga gente do tipo deste Doug Goudie?”, disse uma brasileira que ouviu o programa e se irritou com os comentários racistas e preconceituosos de Doug VB Goudie.

Um brasileiro que prefere não se identificar afirmou que uma das formas de protesto é telefonar para a emissora, “outra forma eficaz de protesto é identificar quais são as empresas que patrocinam os programas da Fox e telefonar para os respectivos ‘customer services’ e fazer com que eles leiam nas redes sociais o que dizem acerca dos programas que eles patrocinam, ou seja, se eles querem patrocinar lixo, que patrocinem, mas que fiquem sabendo o estrago que este tipo de coisa pode trazer à imagem deles. O dinheiro que um imigrante possui tem o mesmo valor agregado”, disse.

“Não me surpreende este tipo de coisas, porque o país não aceita pessoas de outras etnias, cores e raças e não está preparado para isto. É lamentável que em algum casos só aceitem como americanos a partir da segunda geração e os afro-americanos são um exemplo disto. Por que não chama-los de americanos? O país é conservador ao extremo e as pessoas têm preconceito. Lamentável”, afirmou Natalicia Tracy, diretora-executiva do Centro do Imigrante Brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here