CARLOS Wanzeler é preso em operação da Polícia Federal

A TelexFREE provocou prejuízo bilionário em milhares de pessoas

0
772
Carlos Costa e Carlos Wanzeler forma presos pela PF. Foto: Ricardo Medeiros

Na manhã da terça-feira, 17, os principais operadores da TelexFREE Carlos Costa e Carlos Wanzeler, foram presos no âmbito da Operação Alnilam da Polícia Federal que investiga uma possível ocultação de valores que envolvem as atividades da pirâmide no Brasil.

Durante a tarde, Costa e Wanzeler foram levados para o Complexo Penitenciário de Viana, onde cumprirão seus respectivos períodos de prisão preventiva. As investigações da PF apuraram quem os dois teriam usados recursos obtidos de maneira fraudulenta que estavam em contas de laranjas para bancar o show de Paul McCartney em novembro de 2014, realizado em Cariacica.

Um processo que tramita na Justiça Federal aponta para o envolvimento de Costa e Wanzeler em crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e fraudes contra o sistema financeiro nacional. Recursos que não foram detectados na Operação Orion, que decretou o sequestro e bloqueio de bens em 2014, teriam sido movimentados por terceiros. Parte desse dinheiro foi usada para a aquisição de imóveis que foram alugados e que garantem renda para a dupla.

Carlos Wanzeler que é cidadão americano, é foragido da justiça dos Estados Unidos onde responde processo por uma fraude bilionária protagonizada pela TELEXFree que lesou milhares de pessoas. Em fevereiro de 2019, o Ministério da Justiça cassou a nacionalidade brasileira de Wanzeler e o Supremo Tribunal Federal, o que abre a possibilidade de que ele seja extraditado para os Estados Unidos onde será julgado pela fraude bilionária da TELEXFree.

Com informações e foto de A Gazeta, ES 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here