BRASILEIRO é preso por golpes em ATMs em New Hampshire

Roubos feitos por Estefano e um comparsa em caixas eletrônicos ultrapassa US$ 100 mil

0
1176
Estefano Dall Anese Borlotti é mais um brasileiro enrolado com golpes nos EUA

O brasileiro Estefano Dall Anese Borlotti, 35 anos, foi preso na quinta-feira, 31, em Miami. Flórida, e acusado de praticar junto com um comparsa golpes contra o sistema financeiro dos Estados Unidos, ao usar de fraude para sacar dinheiro em caixas de ATM em diversas cidades do Estado de New Hampshire. 

De acordo com uma declaração de Timothy Benitez, que é agente do Serviço Secreto na Corte Distrital Federal em New Hampshire, Estefano teria usado dados bancários roubados e transferidos para gift certificates do Dunkin Donuts que foram usados para retirar mais de US$ 100 mil de caixas eletrônicos em Manchester, Barrignton, Dover, Durham e Portsmouth, no Estado de New Hampshire.

Agentes federais obtiveram imagens de caixas eletrônicos do First Seacoast Bank que mostram Estefano e mais um cúmplice sacando dinheiro indevidamente de caixas eletrônicos ao longo de três semanas, de acordo com documentos da corte. O agente federal teria ainda localizado um dos veículos usados pela dupla em uma locadora de carros em Massachusetts que forneceu cópias de identificação usadas pelos malandros que correspondiam às imagens dos caixas eletrônicos de Dover. Estefano teria usado um passaporte e uma carteira de motorista do Brasil. Os golpes aconteceram entre os meses de abril e junho deste ano, quando um oficial de polícia de Portsmouth comunicou ao Serviço Secreto as transações fraudulentas, que um carro alugado havia sido usado e que cerca de 13 cartões-presentes do Dunkin Donuts foram retidos nos caixas após sucessivas tentativas frustradas de transações.

De acordo com as autoridades, os cartões fraudulentos continham ‘uma grande variedade de informações de contas bancárias dos Estados Unidos e do exterior’ e que foram usadas para sacar dinheiro tanto aqui quanto no Brasil.

Os saques fraudulentos feitos por Estefano e seu comparsa no First Seacoast Bank montam em US$ 60,730. Já nos caixas eletrônicos do Holy Rosary Credit Union em Dover, Farmington e Rochester foi de US$ 42,188.

Além das fraudes contra o sistema bancário, Estefano teria se envolvido em um incidente em 13 de maio, em York, Estado do Maine, onde um homem identificado como ‘PC’ foi preso por roubo e agressão. Além disso, o agente federal apurou que Estefano e um comparsa identificado como ‘DS” fizeram depósitos em grandes quantidades de dinheiro vivo no TD Bank.

Registros policiais de Miami, informam que Estefano está preso lá acusado de diversos crimes como tráfico de cartões de crédito falsificados, fraude e duas acusações de falsificação de intenção de fraudar cartões de crédito. Mesmo tendo uma fiança estipulada em US$ 22,5 mil, além de um detainer do ICE, Estefano continua preso em Miami.

Foto: Miami Dade County Corrections

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here