Brasileiro é condenado a 19 anos e sete meses de prisão por abuso sexual

Brasileiro cometeu crime de abuso sexual contra menor de idade em esfera federal e com agravantes

0
9440

O brasileiro Rafael P. Leal, 39 anos, foi condenado pela justiça federal em Rhode Island, a uma pena de 19 anos e sete meses de prisão por atrair através das redes sociais uma menor de idade para a prática de conduta sexual ilícita, encarceramento e outros ciares sexuais com agravantes.

Rafael havia sido preso em flagrante em novembro de 2016 pela polícia de Bristol, Rhode Island, na Bristol Town Beach quando tentava manter relações sexuais com uma menor de 14 anos de idade moradora em Rhode Island. Preso e indiciado, Leal que morava em Massachusetts admitiu culpa em junho de 2017 na corte.

Investigações do Departamento de Polícia de Bristol e do FBI apuraram que Rafael Leal conheceu a menor através de redes sociais em junho de 2016 e durante alguns meses, o brasileiro manipulou a menina emocionalmente e deu-lhe diversos presentes, mantendo um relacionamento on-line e sexo virtual com a vítima, insistindo que queria ter relações sexuais com ela, apesar das negativas da menina.

O brasileiro proibiu a garota de se comunicar com qualquer pessoa do sexo masculino e mesmo depois de ter sido solto sob fiança insistia em se comunicar e ter encontros com a vítima, o que acarretou a sua prisão por ordem judicial.

Após o cumprimento da sua pena de prisão, Rafael P. Leal será deportado para o Brasil. As investigações e a condenação do brasileiro se deram no âmbito do Project Safe Childhood do Departamento de Justiça e sentença foi anunciada na segunda quinzena de novembro.

Imagem meramente ilustrativa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here