Bolsonaro em Boston: um espetáculo inesquecível…

Bolsonaro: de milico boquirroto a esperança democrática

3
15071

Quem acha que a campanha eleitoral presidencial em 2014, principalmente entre a despachada Dilma Rousseff e o enrolado Aécio Neves havia sido o fundo do poço não perde por esperar a de 2018. Motivos e razões não faltarão, ofensas, xingamentos, truculência, acusações e muita baixaria darão o tom da disputa que se não alterar em nada, ficará entre o quadrilheiro e já condenado ex-presidente Lula, e o boçal capitão Jair Messias Bolsonaro.

Esta é a triste realidade da política brasileira, um condenado por corrupção de todos os tipos, recebimento de propina, formação de quadrilha e por ter chefiado e comandado o maior roubo de dinheiro público da história do país e que se for eleito ficará impune e um representante da direita raivosa e que tem com caraterística a apologia da tortura.

Costumeiramente, diz-se de Jair Bolsonaro que não há nada ‘que o desabone’, referindo-se às práticas de corrupção tão comuns na política brasileira. É muito pouco para que alguém tenha a possibilidade de ser eleito presidente da república. Ou seja, o Brasil corre o sério risco de na próxima eleição escolher entre um ladrão e corrupto e um ardoroso defensor da ditadura militar, que muitos dos seus devotos sequer imaginam o que foi.

Triste Brasil…

Nesta semana, Bolsonaro vem a Boston pelas mãos de gente como Dario Alves Galvão, que se tornou conhecido por ter afrontado a então presidente Dilma Rousseff em uma sessão de perguntas após uma conferência na escola de econômia da Harvard em abril de 2012, sobre se a comunidade brasileira nos Estados Unidos não tinha direito ao programa Ciências sem Fronteiras.

Dilma deu notoriedade a Dario que estava de penetra, já que o evento era exclusivo para alunos e imprensa – o que não era o caso dele – por causa da resposta atravessada, e desde então este passou a se denominar ‘ativista comunitário’ sem que se saiba direito o que isto significa, no seu caso. Frequentemente, Dario é visto nas redes sociais ao lado de parlamentares do baixo clero, a quem ciceroneia por reuniões inócuas e das quais não se sabe o resultado positivo de nenhuma delas.

Um recente press release distribuído para a imprensa, dá conta de que a vinda de Bolsonaro e seus filhos a Boston tem a coordenação do Public Administration Institute (P.A.I), uma Organização Não Governamental (ONG) fundada em 2001. Acontece que a tal Public Administration Institute que é liderada por Dario Galvão não existe no papel e tampouco tem uma sede ou instalações físicas, ou seja, Bolsonaro está desembarcando em Boston por alguém a sua altura e estatura política.

Se o Public Administration Institute precisar receber alguém, terá de faze-lo no café mais próximo, pois sequer tem uma sede social, telefone próprio, site. etc. Tem sim uma página no Facebook…

Para quem quiser se certificar de que a Public Administration Institute é uma entidade fantasma clique no site da Corporations Division business de Massachusetts e faça a sua própria pesquisa.

Mas voltando a Bolsonaro, ele é a esperança real de milhões de brasileiros que veem na direita – já que a esquerda com Lula afundou-se na corrupção e no roubo dos cofres públicos – a salvação para a política nacional, mesmo que para isto tenham que apoiar um facista, misógino, defensor da tortura e de torturadores como o coronel Brilhante Ulstra, da ditadura militar, de um homem que não hesita em ofender quem quer que seja para fazer valer o seu ponto de vista tacanho e fora da realidade.

O que choca, principalmente em Massachusetts é ver gente do bem e com boas intenções ao lado de Bolsonaro, apoiando-o e dando-lhe espaço, escorados atrás do tal ‘nada há que o comprometa’, sem se dar conta de que o deputado representa o que há de pior na política em qualquer nível, e no que é acompanhado galhardamente por Lula, Aécio, Geraldo Alckmin, João Dória Junior, Marina Silva, Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima, Renan Calheiros, José Sarney, Romero Jucá, Rodrigo Maia, Gilmar Mendes, e outros tantos personagens nefastos que existem aos milhares no Brasil.

É certo que a eleição do bilionário e empresário de sucesso Donald Trump na contramão de tudo o que já se havia visto na política americana, deu a Bolsonaro e seu devotos a fórmula a ser copiada e seguida, e diga-se que o republicano venceria qualquer adversário com um pé nas costas com seu discurso ultrapassado, não se pode dizer o mesmo do parlamentar brasileiro, que não pode ser em momento algum comparado a Trump.

Animada a direita brasileira – e não há nenhum problema em ser de direita – vê em Bolsonaro a tábua de salvação e creem que ele será a solução de todos os problemas. Pouco importa a esta direita radical se Bolsonaro defende torturadores, se faz apologia ao estupro, se ao longo da sua vida parlamentar já trocou de partido sete vezes e está na iminência de faze-lo pela oitava vez, se suas propostas para a economia e para o país sejam indigentes e confusas. O que importa é que a ascensão de Bolsonaro está dando vez e voz a gente que pensa exatamente como ele.

Falta aí o dito apoio evangélico, que nos Estados Unidos se aliou a Trump e que certamente vai se aliar a Bolsonaro sem se dar conta de que comete erros que poderão custar muito caro no futuro.

Certamente a passagem de Bolsonaro e sua trupê de filhos por Massachusetts será inesquecível e como já foi afirmado, bem a altura de quem o patrocina e traz, pois ele não poderia desembarcar por melhores ou piores mãos do que as de Dario Galvão…

Uma parelha e tanto…

A eles se juntarão, os oportunistas de sempre que estão em busca de aparecer, também haverá gente honesta e trabalhadora que servirá de massa de manobra para fins menos nobres, mas que acredita que Bolsonaro é a salvação da lavoura, e que darão seu apoio a um triste espetáculo cujo protagonista é um político que representa tudo o que pode representar em termos de radicalismo e intolerância e que não passa de uma triste caricatura de si mesmo.

Um espetáculo inesquecível…

Imagem: reprodução redes sociais

Mensagem recebida de Dario Galvão
Informação do site paiconsulting.org, que entrou no ar no dia 6 de outubro de 2017

Atualização – domingo, 8 de outubro, 648 PM
Em mensagem de texto ao blog, Dario Galvão informa o site da ONG, o endereço onde funciona empresas e entidades que são ligadas a outra pessoa. Dario Galvão não responde a principal questão que é a legalidade da ONG. Existe ou não? Onde está o número de registro no Estado de Massachusetts? Já o site aparentemente foi colocado no ar há menos de uma semana, conforme mostra o registro de domínio. De quebra e como é do seu feitio, Galvão mostra o seu modus operandi típico.

3 COMENTÁRIOS

  1. O que choca de verdade é ver alguém como você fazer um texto como esse. Pelas suas opiniões a respeito do Jair Bolsonaro, logo vê-se que você tem uma opinião formada a partir da opinião de outros ou matérias que lê ou vê a respeito dele. Se visse vídeos contextualizados dele, acredito que sua opinião seria pelo menos um pouco diferente a seu respeito. Colocar um homem de opiniões com as quais você não concorda e um ladrão em patamar de igualdade é no mínimo um absurdo. Gosto de suas matérias mas, infelizmente, nessa me parece que você está mal informado ou foi mal intencionado. Não digo isso para defendê-lo. Nem mesmo sei se ele merece meu voto. Apenas digo isso porque não é legal expor informações não verídicas a respeito de alguém numa publicação que alcança muitas pessoas e tende a influenciá-las. Espera-se mais imparcialidade de veículos de imprensa.

  2. Você não gosta nem do Lula, nem do Bolsonaro…
    Será que vai gostar do Dória?
    Esse não é o meu sonho de presidente, mas acho que ele tem possibilidade de ser eleito.

  3. Isso sim e um verdadeiro e legitimo discurso esquerdista…
    Sera que vc quer realmente quer ver um pais melhor ou esta so esperando uma oportunidade para abocanhar uma fatia deste bolo que o PT fez para saciar a sua propria fome.
    O que me anima e que pessoas como vc ja se encontra em um desespero tao grande por saber que a torneira que nao para de vazar dinheiro do povo brasileiro esta preste a ser fechada…
    Ninguem e dono da razao. Faz o seguinte… volta para os livros para depois vc vir aq descarregar essa diarreia mental.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here