Violência: brasileiro é morto no México em travessia para os EUA

1
77

O corpo do brasileiro Jefferson Eduardo de Oliveira, 19 anos que havia saído de Sobrália, MG, acerca de 10 dias foi encontrado no Rio Grande, em Nuevo Laredo, Estado de Tamaulipas no México no sábado, 12. Jefferson que estava casado há seis meses vinha para Massachusetts onde moram seus parentes.

De acordo com um tio de Jefferson que mora em Allston, o fato foi comunicado na quarta-feira a noite por um policial que lhe perguntou se estava esperando algum parente. “Disse a ele que sim, que era meu sobrinho. Foi quando ele me disse que um corpo havia sido localizado no dia anterior e precisava de identificação, pois tinha marcas características de espancamento e portanto irreconhecível. Ele me enviou fotos do cadáver e é impossível o reconhecimento que foi feito pelas roupas que ele vestia quando saiu do Brasil e por uma tatuagem que o Jefferson tinha no punho direito com o nome da mãe dele. Eles me localizaram porque a esposa dele pregou o meu nome e o número do telefone pelo lado de dentro da calça dele. Eles me disseram que possivelmente o corpo do meu sobrinho estava a pelo menos três dias dentro do rio, onde deve ter sido jogado”, diz o parente de Jefferson Eduardo de Oliveira.

O corpo do brasileiro estava sem documentos, que foram roubados. “Ele tinha um telefone e falou com o pai dele no sábado a noite, dizendo que ia atravessar a fronteira naquela noite. Foi o último contato dele com a família. O Jefferson tinha um telefone que também foi roubado, e os contatos dele receberam mensagens no WhatsApp e comigo eles pediram que recarregasse com créditos, e não dava para entender o que eles diziam. Depois silenciou tudo”, finaliza o tio de Jefferson.

Uma conta que foi criada no GoFundMe.com e que pode ser acessada clicando aqui, pede ajuda para o traslado do corpo de Jefferson para o Brasil onde será sepultado. Um contato foi feito com o Consulado-Geral do Brasil com jurisdição na região e não foi obtido nenhuma resposta.

A violência na região protagonizada por traficantes dos cartéis de drogas é muito grande e são comuns os assassinatos de pessoas cujos corpos são abandonados.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here